As transformações sociais, tecnológicas, familiares e outras de caráter imponderável, têm contribuído para mudanças intensas nas relações pais e filhos, e por sua vez, nas relações sociais. São fenômenos novos, que se repetem ao longo da história das civilizações e das culturas, capazes de gerar conflitos, e perspectivas instigantes e desafiadoras como as que vivemos na atualidade.

Comments are closed